Blog Post

Gula sem culpa

fortiusclinic 23 Maio 0 Comments

O Natal está a chegar, assim como, todos os excessos típicos desta quadra. As gorduras e os açúcares refinados são os maiores vilões a enfrentar por quem pretende manter a sua forma física ou por quem se encontra a realizar um plano de emagrecimento.

Na verdade, se reparar, passa por este tipo de desafio durante todo o ano. Está até à Páscoa a tentar recuperar das asneirinhas do Natal, até às férias do verão a recuperar as da Páscoa e festas populares e até ao Natal a recuperar das asneirinhas do verão.

Para compensar os seus pecadinhos ou ajudar quem tem receio de “cair em tentação”, enumero um conjunto de dicas saudáveis que o ajudarão a saborear o momento sem ficar com “peso na consciência”.

1)  Evite longos períodos de jejum, procurando alimentar-se de 3 em 3 horas. Experimente ingerir pão, fruta, queijo magro, iogurtes para evitar os desejos incontroláveis durante a refeição;

2)  Refrigerantes, sumos variados, champanhe e outras bebidas alcoólicas também contribuem para que a ceia seja mais calórica. Para as crianças poderá fazer águas aromatizadas (frutos vermelhos e pau de canela ou rodelas de limão, romã e hortelã ou maçã e canela) e para os adultos opte por vinho tinto, uma vez que este apresenta fitoquímicos com vantagens para a saúde, mas com moderação, devido ao elevado valor calórico da bebida.

3)  No dia 24 e 31 de Dezembro evite ingerir hidratos de carbono (batata, pão, arroz, massa ou outros cereais) na hora de almoço; No dia 25 de Dezembro procure fazer o mesmo, mas na hora de jantar;

4)  Experimente iniciar a refeição com fibras, dessa forma, conseguirá aumentar a sua saciação durante a refeição, acelerar o seu trânsito intestinal e, sobretudo, inibir a absorção intestinal de açúcar e de gordura da refeição. Um exemplo de sequência alimentar que pode usar é: Iniciar a refeição com sopa (sem batata, arroz ou massa e sem carne ou peixe), passar para os legumes e, em último lugar, o prato principal.

5)  Antes das sobremesas coma fruta crua, cozida ou assada garantindo, desta forma, um aumento do aporte de fibras da refeição e das suas vantagens;

6)  Ao passar para as sobremesas experimente ingerir sobremesas com leite em primeiro lugar, como por exemplo, aletria, leite creme, farófias, arroz doce, de preferência cozinhadas com leite magro e redução de açúcar, poderá também adicionar canela e raspa de limão,

7)  Mexa-se. Sim, porque não aproveitar para dar um passeio com a sua família ao ar livre? Terá com certeza o apoio das crianças e, deste modo, conseguirá gastar algumas das calorias ingeridas na refeição.

Desta forma conseguirá saborear sem sentimento de culpa, certo?